Veja 7 mitos desvendados dos sistemas ERP

//Veja 7 mitos desvendados dos sistemas ERP

Quando o assunto é sistema ERP, normalmente existem dois tipos básicos de reação: uns pensam ser a solução para todos os seus problemas e outros fazem cara feia, desdenhando de qualquer benefício que essa ferramenta se propõe a trazer. E essa divergência está diretamente relacionada às experiências que cada pessoa teve (ou deixou de ter) com um sistema ERP e, mais do que nunca, aos mitos propagados por aí sobre esse sistema.

De fato, para venderem mais, alguns fornecedores têm o costume de supervalorizar suas soluções, o que gera expectativas muitas vezes não atendidas. E para piorar um pouco mais a situação, os poucos que tiveram uma má experiência acabam divulgando ainda mais inverdades, o que compromete o entendimento das pessoas sobre a real utilização dos sistemas ERP nas organizações. Pois para acabar de vez com esses ruídos, resolvemos listar alguns desses mitos no post de hoje, explicando por que eles devem ser abandonados de vez. Curioso? Então acompanhe:

Sistemas ERP são exclusivos da TI

Se é um sistema de informação, obviamente o ERP deve ser coisa da TI, de modo que o restante da empresa não tem que se meter, certo? Nada disso! Por mais que esse seja o pensamento de muitas empresas, a verdade é que o ERP é um sistema de informações de toda a organização, devendo, portanto, ser conhecido e operado por quem quer que lide com essas informações diariamente. O papel da TI é o de dar suporte aos demais usuários, ensinando a usar corretamente o sistema ou resolvendo qualquer tipo de eventualidade.

Sistema ERP é muito caro

Existem, sim, sistemas ERP muito caros, mas você não precisa optar por um deles! Guarde desde já: você só precisa investir naquele que atenda às necessidades da sua empresa de uma forma funcional! Por isso, estabelecer os requisitos e fazer uma boa pesquisa entre os fornecedores facilita a identificação de um sistema de ERP confiável e que caiba no seu orçamento. Outra questão a ser levada em conta nesse momento é que o ERP é um investimento para a vida toda, que acompanha o crescimento da empresa e gera resultados a longo prazo, contribuindo inclusive para reduzir custos. Pense nos benefícios de não precisar trabalhar com uma planilha eletrônica com anos e anos de informações financeiras armazenadas manualmente ou na redução dos desperdícios causados pelo retrabalho da sua equipe. O investimento certamente valerá a pena.

ERP demora a ser implementado

Se você tiver todos os seus processos de negócio alinhados e souber com certeza quais funcionalidades um sistema ERP precisa ter para atender a suas necessidades, o tempo de implementação da ferramenta não durará mais que algumas semanas, incluindo a instalação da ferramenta e a parametrização do sistema. Vale lembrar que a equipe deve estar envolvida desde o primeiro momento, sabendo da implementação, como a ferramenta funciona e o que será preciso adequar na rotina dos trabalhos para inserir o ERP no dia a dia.

ERP é garantia de padronização

Aqui está um dos mitos sobre sistemas ERP mais propagados pela indústria: se você tiver um ERP, todos os seus processos entrarão nos eixos. O que normalmente não contam é que a padronização de processos começa com a equipe. Assim, se ela não estiver engajada, nada acontece. Não é difícil encontrar empresas que têm sistemas ERP e que ainda mantêm controles paralelos em planilhas. Isso se deve à falta de treinamento, à resistência dos funcionários em adotar o novo sistema ou até mesmo à adoção de uma ferramenta tão complexa que não ajuda em nada a tornar a empresa mais eficiente. Na prática, o sistema ERP tem como objetivo eliminar retrabalho, otimizar o tempo da equipe e reduzir falhas, consequentemente aumentando a eficiência da empresa. Ele não é, portanto, destinado a amarrar o modo como as pessoas trabalham, mas sim fornecer subsídios para que as pessoas trabalhem mais e melhor.

Sistemas ERP são para os grandes

Pequenas empresas sempre dão essa desculpa: sistemas ERP são pensados para grandes empresas. Mal sabem elas que o ERP é um grande aliado no crescimento de absolutamente qualquer negócio, especialmente porque fornecem relatórios analíticos que permitem visualizar a empresa sob diversas óticas. Já pensou que uma pequena empresa que vive de controles em planilhas corre sérios riscos de perder todo o seu histórico de negócio, ver seu financeiro arruinado por uma má decisão ou ainda perder clientes pela falta de um controle adequado? Nesse contexto, uma pequena empresa que pretende se destacar no mercado precisa contar com um suporte adequado para dar agilidade ao negócio, tornando-se eficiente e produtiva para conseguir competir com os demais players. E o ERP fornece exatamente esse suporte.

ERP traz benefícios imediatos

Outro equívoco que as pessoas divulgam bastante por aí é o mito dos benefícios imediatos. Dizem que, no momento em que você adquirir um sistema de ERP, tudo vai mudar na sua empresa. Não é bem assim. Sistemas ERP implementam melhorias contínuas, que simplificam processos e integram atividades para melhorar o desempenho geral da empresa. É claro que, logo no início, as mudanças provocadas pela implementação de um ERP são mais notadas, mas é o resultado a médio e longo prazos que realmente faz a diferença. Há ainda a questão do comprometimento da equipe com a manutenção do ERP, já que, se as pessoas desistem de usá-lo, todo e qualquer benefício percebido deixa de existir.

ERP é a solução para todos os problemas

De fato, não é. Sistemas ERP servem para dinamizar o trabalho da empresa em diversos pontos, mas sozinhos não fazem milagre algum. Para levar seu empreendimento adiante, você precisa garantir que os processos da empresa estejam bem definidos, que os recursos implantados estejam sendo utilizados, assim como certificar-se que as informações geradas pelo software estão sendo utilizadas nas tomadas de decisão.

Mitos desvendados, agora é hora de você saber o que sistemas de ERP podem fazer por sua empresa! Para isso, confira o artigo sistema ERP para pequenas empresas: o que você precisa saber. Nele você descobrirá o que é um ERP, como funciona, quais são as fases de implementação e as vantagens de adotar um sistema ERP no seu negócio!

CTA - e-book Como escolher a melhor ferramenta de gestão para sua empresa
Por | 2019-08-22T12:28:07+00:00 22/02/16|

Deixe seu comentário

Atenção: Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores e não representam, necessariamente, a opinião da ADV Tecnologia.

Ligue Agora: (11) 2261-4000 Fora do Estado de SP: 0800 818 2804