Que o Business Intelligence é fundamental para a tomada de decisões você provavelmente já sabe, certo? Afinal, sendo uma ferramenta imprescindível para analisar dados do mercado, identificar tendências e padrões, o BI é o aliado da vez das empresas na busca pelo aumento da competitividade e um entendimento mais abrangente do próprio negócio.

Mas o que a maioria das empresas ainda não sabe é como transformar esses dados em conhecimento aplicável, fácil de ser entendido e compartilhado com todos os envolvidos na organização. É aí que entra o data storytelling ou storytelling com dados. Esse é um conceito novo para você? Então entenda agora mesmo do que se trata e como impacta na análise de dados da sua empresa! Acompanhe:

Storytelling: do que estamos falando?

O termo storytelling — que pode ser traduzido como contação de história — nomeia uma estratégia muito empregada no marketing para criar identificação com o público e transmitir experiências, fatos e dados de uma maneira mais lúdica, de fácil compreensão. Trata-se de uma forma de dar sentido a determinado raciocínio, contextualizando as informações de maneira tal que quem recebe a mensagem consegue decifrá-la e aprender com ela. Você se lembra das lições de moral ao final dos contos infantis? É mais ou menos assim que o storytelling funciona.

Storytelling com dados: isso é possível?

Quando aplicado a um ambiente em que a análise de dados é crucial para o crescimento da empresa, o storytelling permite construir histórias que facilitam o entendimento dos executivos em relação aos dados processados pelo Business Intelligence. De maneira prática, imagine que em vez de ter uma série de relatórios analíticos com dados, gráficos e informações difíceis de entender, você tem uma história em que uma empresa tem X dificuldades, precisa melhorar seu desempenho e toma N atitudes para solucionar esses problemas. É como ler um estudo de caso de si mesmo!

Data storytelling: realmente gera otimização?

Parece bom, mas você ainda não está convencido da necessidade de investir em storytelling com dados? Fique tranquilo! À primeira vista você pode pensar que os relatórios ainda são melhores, mas logo vai perceber eles não são tão bons assim. Veja só:

Compartilhamento de conhecimento

Toda vez que você pega um relatório de resultados para analisar tem a impressão de que os dados estão em grego? São tantos números que nem dá para saber por onde começar a entender o que está acontecendo? Pois você definitivamente não está sozinho, já que essa situação é mais do que normal nas empresas. De toda forma, com o storytelling com dados, o termo Business Intelligence nunca mais será motivo de assombro para você ou para sua equipe.

Quando dados são transformados em histórias, as pessoas compreendem melhor o contexto em que estão inseridos, a aplicabilidade desses dados e a importância das informações ali descritas. É como tentar ensinar uma criança a dividir 25 por 5: se você não ilustra os números com maçãs, brinquedos ou balas, fica difícil visualizar os resultados, não é verdade?

Aumento do comprometimento

A partir do momento em que as pessoas entendem qual é a realidade da empresa, conseguem transportar os desafios para sua própria realidade, assumindo uma postura de maior comprometimento com os resultados.

Dizer que todos precisam cortar 20% dos custos é bem mais complicado do que mostrar às pessoas que Maria imprime receitas de bolo no trabalho, usa diariamente 10 folhas de papel sulfite, que no final do mês se transformam em 200 folhas e custam 10 reais para a empresa. Ao final do ano, são 120 reais que poderiam ser investidos em melhorias, como uma nova máquina de café para uso de todos. Não simplifica bem?

Identificação de tendências

Uma das grandes vantagens do Business Intelligence está relacionada à identificação de padrões e tendências que podem afetar os negócios da empresa. Mas a verdade é que nem sempre essas tendências ficam realmente claras quando expressas em planilhas ou gráficos.

Quando essa análise de dados é transportada para uma história (como a queda da produtividade pela falta de equipamentos adequados), fica bem mais fácil entender o que está prejudicando a performance da empresa e, com isso, tomar decisões rapidamente para que o negócio não seja prejudicado.

Interatividade com os dados

Manipular planilhas e análise de dados é sempre um desafio, já que uma falha qualquer pode comprometer seu entendimento sobre a real situação da empresa e levar a decisões equivocadas. Em contrapartida, quando você tem esses dados contextualizados, avaliar a situação e definir o melhor caminho a ser tomado se torna uma decisão mais ágil e precisa.

Imagine que o número de clientes caiu, mas, em compensação, o ticket médio dos consumidores que continuam comprando de você aumentou, o que manteve seu faturamento equilibrado. Identificar esses dados em planilhas e gráficos nem sempre é fácil, mas se você tiver alguém contando essa história para você, a informação fica bem acessível!

Credibilidade para todos

Todo empresário que já passou pela situação de tentar conscientizar seus funcionários sobre os números do negócio provavelmente se deparou com uma sensação generalizada de desconfiança, afinal, dados podem ser manipulados. Mas não se trata disso! Trata-se apenas de apresentar as informações de forma que eles entendam, o que pode ser feito por meio do storytelling com dados!

Metas de vendas, por exemplo, não precisam ser tratadas com gráficos e números que evidenciam quem está dentro da meta e quem não está. Elas podem ser apresentadas para todas as equipes em forma de histórias, sem mencionar ninguém, mas fazendo com que todos entendam o recado e se esforcem para contribuir para o sucesso da empresa.

Com esse conhecimento compartilhado e compreendido por todos, você certamente não enfrentará mais problemas para mobilizar seu time a fim de superar desafios, atingir metas e tomar melhores decisões! Viu só como o storytelling com dados transmite mais do que números? Essa estratégia transmite experiências, que são bem mais fáceis de serem compreendidas e internalizadas, surtindo excelentes efeitos a longo prazo.

Depois deste post você nunca mais verá o Business Intelligence como uma barreira para a compreensão integral do seu negócio, não é verdade? Basta utilizar o storytelling com dados para ter uma visão abrangente e alinhada das suas necessidades e oportunidades de negócio!

E então, quer continuar aprendendo mais sobre como otimizar a gestão da sua empresa e melhorar seus resultados? Curta nossa página no Facebook e receba atualizações em tempo real!

Demonstração Grátis